Kavala e Olympiakos Volos despromovidos por "combinação de resultados"

Kavala e Olympiakos Volos despromovidos por "combinação de resultados"

A comissão de disciplina da Liga grega de futebol despromoveu o Kavala e o Olympiakos Volos à segunda divisão por envolvimento num esquema de viciação de resultados, anuncia a liga no seu sítio na internet.

AS duas equipas também foram condenadas ao pagamento de multas de 300.000 euros e os seus presidentes, Achilleos Beos (Volos) e Makis Psomiadis (Kavala), foram irradiados do futebol e instruídos ao pagamento de 90.000 euros de multa.

A decisão da comissão disciplina é passível de recurso, mas para já é esperado o regresso do Panserraikos Serres e do FC Larissa – clubes que tinham descido – à primeira liga, em substituição dos agora castigados.

O Volos terminou a Liga grega em quinto lugar e poderá ser banido da Liga Europa, ainda que tenha previsto disputar hoje o jogo da primeira-mão da terceira pré-eliminatória frente ao Differdange, do Luxemburgo.

O Kavala terminou o campeonato em sétimo lugar.

Na quarta-feira, um dia depois da visita de Michel Platini, presidente da UEFA, a Atenas, o ministro grego da cultura, do turismo e do desporto, Pavlos Geroulanos, reconheceu que os campeonatos estavam corrompidos.

O ministro admitiu também a possibilidade de "atrasar o arranque de época", caso se verifiquem "novos desenvolvimentos judiciais".